English inglês Castellano castelhano
 
Home >>Página Anterior >> Artigo
Navegando numa época de "semi-globalização"

Modere o entusiasmo sobre as facilidades da globalização. Em qualquer decisão de internacionalização analise sempre seriamente as diferenças que vai encontrar. O conselho do guru da estratégia Ghemawat

Review de Jorge Nassimento Rodrigues, Fevereiro 2008

NOVO LIVRO DE GHEMAWAT:
Redefining Global Strategy

A globalização é um dos maiores mitos actuais, diz o indiano Pankaj Ghemawat (LINKAR www.ghemawat.org), professor da Harvard Business School, considerado um dos gurus da estratégia global nos dias de hoje.

Os escritores 'globalistas' têm vendido a ideia de que o Planeta é "plano", de que a internacionalização de produtos e serviços é um passeio triunfal por uma carpete vermelha, que saltar as fronteiras com o negócio às costas é algo trivial.

Os "néones" resplandecentes com as marcas mundiais em qualquer cidade nos quatro cantos do globo ou as fotografias que cada um coloca no seu blogue pessoal sobre as férias "lá fora" empurram-nos para não acertar uma se tivéssemos de responder a um inquérito de rua sobre o tema da globalização.

Perguntas simples, como qual é o peso do investimento estrangeiro no investimento total, ou qual é a percentagem das exportações no PIB mundial, ou ainda a parte de turistas estrangeiros no movimento turístico total, tenderiam, provavelmente, a receber respostas inflacionadas (veja as respostas certas em caixa).

Visão exagerada

Isso ficou comprovado com uma sondagem mundial a gestores e executivos realizada pela revista Harvard Business Review no seu sítio na Web. Ghemawat refere, no seu blogue (LINKAR http://discussionleader.hbsp.com/ghenawat) nessa revista, que se observou "uma tendência sistemática para sobrestimar os níveis de globalização" na ordem do triplo do peso real.

O professor criou mesmo uma "lei" - a maioria dos níveis de globalização num conjunto vasto de indicadores é inferior a 10%, com excepção do peso das exportações de mercadorias e serviços no PIB mundial, que ronda os 27% (e se limparmos a dupla-contagem, desceria para os 20%). Neste último caso, em vinte e cinco anos, o peso subiu apenas sete pontos percentuais. E Ghemawat estima que, mesmo em 2030, altura em que o processo de formação do sistema mundial já estará acima de 80%, aquela percentagem não deverá ultrapassar os 35%.

As barreiras reais

O aviso aos gestores é que "o mundo não só está muito longe de uma integração completa, como provavelmente permanecerá assim nas próximas décadas". Por isso, ele fala, tecnicamente, de uma situação de "semi-globalização".

Diversas barreiras podem ser identificadas no terreno: intervenção política dos governos manipulando as regras da concorrência, elevado nível de falta de transparência na maioria dos regimes do mundo, gestão da imigração, existência de carteis em funcionamento em recursos estratégicos, sistemas de extracção de rendas bem arreigados no tecido económico, diferenças culturais ancestrais e economias locais específicas.

Em virtude destas advertências, Ghemawat publicou recentemente o livro 'Redefining Global Strategy', em que apresenta uma matriz estratégica baseada num triplo A: adaptação, agregação e arbitragem. A essência da sua abordagem é que os gestores têm de perceber e dominar as diferenças reais e não pensar num mundo idealizado, se pretendem efectivamente internacionalizar os seus negócios.

27%
É a percentagem das exportações globais de mercadorias e serviços em relação ao PIB mundial
10%
É a parte dos turistas estrangeiros no total mundial do movimento turístico
9%
É o peso do investimento directo estrangeiro na formação bruta de capital fixo mundial
 
Outros Artigos
Peter Drucker - Uma divida pessoal
Entrevista Exclusiva a Peter Drucker
O filme do Management desde The Concept of Corporation em 1946
Quando o Management largou o bibe
A Herança de Alfred Chandler
A internacionalização que nasceu nos sítios errados
Voando sobre um gigante em crise: Radiografia do Japão na entrada do século XXI
«A expressão 'management' é redutora»
Executivos têm de aprender geo-política
Hoffice
Economia Global & Gestão
Geo-política nas empresas
Deixe-se de sofisticações artificiais
Os truques do Jogo de Cintura brasileiro
As Pegadas da Língua
Novo Media Partner Adventus
Os media de carne e osso
Irrelevância da Política?
SKYPE - A nova estrela do hi-tech europeu
Uma cultura forte é discreta, diz o francês Hervé Laroche
O Factor China
Richard Samson fala da «buzzword» que criou: off-peopling
Oligopólio ao quadrado
David Vogel - O crítico da «responsabilidade social»
Vinton Cerf - o «Pai» da Internet explica o que vai fazer no Google
A Guerre Cognitiva segundo Christian Harbulot
ESTAMOS DE LUTO
A Morte do Advogado do Diabo como método de gestão
Cérebros em Fuga da América
O Senhor «Megatrends» dá-nos uns murros
Tendências e Gurus do 1º semestre 2006
A revolução dos escritórios
Não roube o CEO ao vizinho
Sair à rua para inovar
O guru hoteleiro
Truques para fintar concorrentes (quatro conselhos soprados ao ouvido por um especialista do BCG)
Dois novos Blogues da rede Adventus
A Revolta dos Fornecedores
O gosto das multidões ("the taste of the crowds")
PARA ONDE VAI A CHINA
O Mercado Comum do Ocidente
Os Truques das multinacionais emergentes
O mundo à lupa com a Curva J
A ratoeira do «outsourcing»
Os que inovam uma só vez – os «one shot»
O Novo Capital financeiro
Darwin “raptado” para a gestão
Carr volta a atacar
As «buzzwords» mais amadas pelos CEO em 2007
PREMIÉRE MUNDIAL. O anúncio de um experiência de Clonagem Humana
A principal exportação americana
A globalização não é o que se diz
O render da guarda dos fundadores

Índice
   arquivo de Gurus
   arquivo de Temas
   50 anos do Management
   cronologia
   momentos históricos
   os 50 gurus + votados
   livros recomendados
Discurso Directo
   quem somos
   agradecimento
   palavras dos patrocinadores
   prefácios
   guestbook de leitores
   o seu comentário
Patrocínio Global
Altitude Software
Copyright © 2001 GurusOnline.Net - Todos os Direitos Reservados
Uma produção www.janelanaweb.com
Ilustrações: Paulo Buchinho
Digital.PT